O poder da nudez

Nada mais poderoso do que o nosso próprio corpo, não acha?! Foi com essa ideia que um dos trangêneros mais famosos do Brasil, a cartunista Laerte, resolveu posar sem roupa para as lentes de Rafael Roncato. As imagens foram exibidas na exposição Adágio, que, infelizmente, não está mais em cartaz.

Apesar de ainda ser considerado um grande tabu, o nu pode ser considerado a forma mais pura e simples do ser humano. No caso da Laerte, a nudez bate de frente com a dualidade dos gêneros e mostra que, apesar de seu corpo ainda apresentar características masculinas, o gênero é a própria pessoa que define.

Confira:

laerte-credito-rafael-roncato-2

larte-credito-rafael-roncato

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *