Quem são os turistas gays do RJ e para onde eles vão

O Instituto de pesquisas e estudos do Turismo do RJ, órgão da Associação dos Embaixadores de Turismo do RJ, e a Fundação Cesgranrio, realizaram uma pesquisa de 2 a 20 de janeiro, em 6 bairros do Rio de Janeiro, com 700 turistas internacionais LGBT.

Segundo o professor Bayard Boiteux,que coordenou a pesquisa, o objetivo é identificar o perfil do turista e aprofundar com base nos dados, políticas especificas para melhorar o atendimento, já que se trata de um turista qualitativo, que gasta duas a três vezes mais do que um turista normal.

default

Para Claudio Castro, que preside a Associação dos Embaixadores, é fundamental que o Rio tenha um banco de dados que sirva como base para investimentos na cidade maravilhosa. “Hoje somos a única entidade privada no Estado, que desenvolve pesquisas de turismo receptivo”, acrescenta Castro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *