Viviany Beleboni ganha ação contra Bradesco para usar seu nome social

A atriz e modelo Viviany Beleboni ganhou uma ação judicial contra o banco Bradesco após a instituição se recusar a emitir um cartão com o seu nome feminino.

Segundo Beleboni, em entrevista ao site Guia Gay São Paulo, toda a documentação que apresentou para o banco já estava com o novo nome, incluindo certidão de nascimento.

Quando chegou [o cartão], veio com o nome antigo [o masculino. Você se mata para conseguir um nome de registro, escaneia e passa todos os documentos que eles pedem, aí chega lá e vem o nome antigo no cartão. É ridículo isso.

A advogada da modelo, Cristiane Leandro de Novais, afirma que entrou com uma ação por descumprimento de determinação judicial, já que Beleboni possui uma decisão da Justiça que determinava que seu nome seja retificado em quaisquer órgãos.

Com isso, o Bradesco foi condenado a retificar o cartão e pagar uma indenização de R$ 5 mil à modelo.

Às vezes é erro do sistema do próprio banco e apenas doendo no bolso eles mudam o sistema e assim pessoas trans conseguem seu espaço. O Brasil é um país muito atrasado nessas questões ainda infelizmente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *